CANTAR CAMÕES COM FÁBIO VIANNA PERES
TROCAI O CUIDADO​
MENINA DOS OLHOS VERDES
PERGUNTAIS ME QUEM ME MATA
PASTORA DA SERRA
NOITES DE JAVA

O nosso primeiro convidado das NOITES DE JAVA, os serões com Camões, é o musicólogo Fábio Vianna Peres, que nos falou do seu projeto Cantar Camões. Fábio fundou e dirige o ensemble CAPELA ULTRAMARINA, dedicado à música da Renascença peninsular. Durante o seu trabalho de pesquisa sobre os cancioneiros musicados de Lisboa, Elvas, Paris e Belém, ele encontrou composições que glosavam os mesmos motes que Camões também glosara. Partindo então das notações musicais desses cancioneiros, sobretudo do de Paris, introduziu as glosas e voltas camonianas dos famosos vilancetes e cantigas.  O próprio Camões teria em mente essas melodias, pois elas eram bem conhecidas dos círculos poéticos e musicais, tal como dos literatos do seu tempo.

 

Para saber mais:
DO ALAÚDE À VIHUELA e À VIOLA-BAIXO, HISTÓRIA VISUAL DE UM INSTRUMENTO
BIBLIOGRAFIA: 
  • (1992) Portugaliae Musica - PM 31 – Cancioneiro Musical d’Elvas (séc. XVI), transcrição e estudo de Manuel Morais.
  • (1988) Cancioneiro musical de Belém, Estudo introdutório e transcrição de Manuel Morais, Lisboa: Imprensa Nacional-Casa da Moeda.
  • (1986) Portugaliae Musica - PM 47 – Vilancetes, Cantigas e Romances do Século XVI (Cancioneiro de Paris e Cancioneiro da Biblioteca Nacional de Portugal), transcrição e estudo de Manuel Morais.

Trabalhos dos estudantes

Trabalhos dos estudantes DA